You are currently viewing No início era o post

No início era o post

Tinha 16 anos e gostava de escrever. Acho que encontrava na introspeção a que a escrita me obrigava uma forma primitiva de meditação, decerto muito longe da de hoje. Mas era o que eu conhecia então…

Um dia perguntaram-me porque escrevia. Eu, claro (ou não tivesse 16 anos…), tinha uma resposta pronta : “para despertar as pessoas”. Que pueril presunção a minha! Quem era eu para despertar quem quer que fosse! Estava assim convencida de que tinha uma mensagem inédita a transmitir ao mundo – pois não era eu tão fundamentalmente diferente dos outros?

Depois a vida levou-me ao budismo. E durante os anos em que tentei, com algum esforço, acalmar o meu espírito e despi-lo de muitas coisas inúteis, deixei de escrever. Voltei à escrita alguns anos mais tarde mas de uma forma diferente.

O engraçado é que hoje, se me voltassem a colocar a mesma questão, responderia o mesmo mas com um sentimento bem diferente. Tudo o que, aos 16 anos, me separava dos outros, tende agora a aproximar-me. Sinto-me igual a toda a gente, nem pior, nem melhor, também eu a precisar de incentivo para não adormecer no mundo, para todos os dias e todos os instantes estar desperta ao momento presente.

This Post Has 3 Comments

  1. Alicia Pema Kon

    É tão bom, lê-la, Tsering!É como voltar a casa… Os japoneses têm um ditado que se pode traduzir: “Aos 80, como aos 3” que revela que certos traços nossos são mesmo NOSSOS =0)Portanto não me surpreende que continue a escrever e a acordar pessoas…Já traz isso consigo, bem fundo =0) Abraço Cósmico, Alicia Kon

    1. tsering

      Obrigada pelo abraço. É verdade que escrever é uma das coisas que eu desde mais cedo sempre gostei de fazer. Isso e ensinar 🙂
      Beijo

  2. Joana Almiro

    Que seria do mundo se não houvesse uma Tsering e outras tantas(não muitas) para nos ajudar a acordar e a encaminhar as nossas consciências?

    Obrigada

Responder a tsering Cancelar resposta