Os benefícios da compaixão

Os benefícios da compaixão

Se acordarmos de bom-humor, com um sentimento caloroso, a nossa “porta interior” abre-se automaticamente para esse dia. O aparecimento de uma pessoa desagradável não nos perturba e talvez até lhe consigamos dizer uma palavra simpática.

Podemos conversar com essa pessoa menos agradável e até manter com ela uma conversa interessante. Quando criamos uma atmosfera amistosa e positiva, reduzimos o receio e a insegurança. Desta forma, é-nos mais fácil criar amizades e gerar sorrisos.

Mas nos dias em que o nosso humor é menos positivo e nos sentimos irritados, a nossa “porta interior” fecha-se. Mesmo que encontremos o nosso melhor amigo, sentimo-nos desconfortáveis e tensos. Estes exemplos mostram como a nossa atitude interior faz uma enorme diferença na vida de todos os dias. Temos de compreender que a fonte última da atmosfera positiva que queremos gerar em nós, no seio da família e da comunidade se encontra no nosso íntimo e que ela é a bondade, o amor e a compaixão.

Os benefícios da compaixão não são apenas mentais, uma vez que ela também contribui para a saúde física. De acordo com a medicina moderna e com a minha própria experiência, a estabilidade mental e o bem-estar físico estão relacionados. Não há dúvida que a cólera e a agitação nos tornam mais atreitos às doenças. Em contrapartida, se o espírito estiver tranquilo e preenchido por pensamentos positivos, o corpo não é tão vulnerável à doença. Isto mostra que até o corpo físico aprecia e reage ao carinho humano e à serenidade.

Outra coisa que também me parece bastante clara é que, a partir do momento em que pensamos apenas em nós próprios, o estreitamento da nossa realidade faz com que todas as contrariedades se tornem enormes e nos deixem desconfortáveis e desesperados. Contudo, a partir do instante em que pensamos nos outros com solicitude, a nossa perspectiva alarga-se e os nossos problemas revelam-se insignificantes. Isto faz toda a diferença.

Excerto de Compassionate Life, Dalai Lama

This Post Has One Comment

  1. Ana Aquino

    Foram os primeiros benefícios que comecei a receber!
    Trabalhava (e trabalho no mesmo local) num ambiente hostil, mau humaorado, prepotente, etc., e os resultados começaram a ser visíveis quando mudei a minha atitude, seguindo esta “instruões” e neste momento está ‘mais leve’, já existem uns sorrisos, amarelos, mas existem!
    A compaixão é excelente começando por nós e acabando nos outros, mesmo que esses outros não a pratiquem. O Karma está criado. 🙂
    Obrigada Tsering por me fazer lembrar!

Leave a Reply