You are currently viewing A luminosidade do espírito

A luminosidade do espírito

Ao nível comum a mente está obscurecida por conceitos, diferentes modos de pensamento e de concetualização. Para reconhecer a sua natureza essencial temos de remover essas diferentes camadas e limpar os obscurecimentos. Então, o verdadeiro rosto da nossa própria mente revela-se.

Quando realizamos tais práticas, tais experiências, a palavra “consciência”, deixa de ser uma simples palavra e começamos a perceber de que se trata. A consciência é um fenómeno não-obstrutivo, imaterial e cuja qualidade é luminosidade. É semelhante a um cristal. Se colocarmos um cristal sobre uma superfície colorida a sua qualidade cristalina não pode ser vista. Porém, assim que o retiramos, vemos imediatamente a sua forma real.

A luminosidade da mente, a sua clareza, é algo que eu não consigo explicar por palavras. Mas quando realizamos este tipo de experiências começamos a entender: “Ah, é isso a luminosidade da mente!”

Sua Santidade o Dalai Lama

Deixe uma resposta