meditação

Consciência e pensamentos

Não somos os nossos pensamentos, ou melhor, não somos apenas os pensamentos. Quando começamos a reconhecê-los, começamos também a reconhecer a “Presença Espaçosa” dentro as qual eles ocorrem e que tem a capacidade de os reconhecer.

Esta presença atenta e espaçosa é um ponto-chave da meditação. É frequente as pessoas pensarem que a meditação é uma forma de se alhearem da realidade. Isso é o que fazemos constantemente quando nos deixamos envolver nas intermináveis cadeias de pensamentos! Na atenção plena fazemos o inverso: debruçamo-nos sobre a realidade, abrimo-nos ao que se está a passar exatamente neste momento, aqui e agora.